A corrente do Veganismo

Ideologia proporciona consciência, uma vida mais saudável e deliciosa!

O Veganismo é muito  mais que apenas uma  dieta sem carne, é  uma ideologia que preza sempre pelo bem estar animal. Não há distinções de espécies, ela abomina o consumo de qualquer fonte animal, como leite, mel, ovos, lã, couro e, também, todos os tipos de carnes. É uma ideologia de boicote, que não aceita a exploração animal em qualquer hipótese, como no vestuário, alimentação, cosméticos, ou seja, em qualquer segmento.

Algumas pessoas acham impossível viver sem esses produtos, outras, como Fábio Chaves, fundador do maior portal Vegano brasileiro, o Vista-se, acredita que dá para se alimentar muito bem sem consumir alimentos de origem animal. A nutricionista especialista em alimentação vegetariana, Ana Cristina Máximo também afirma que ser vegano não é sinônimo de falta de nutrientes.

Aliás, há pouco tempo, a OMS (Organização Mundial da Saúde) classificou que carnes e embutidos têm o mesmo potencial de desenvolver câncer que o cigarro. A dieta vegetariana estrita, aquela que não consome nenhum tipo de alimento oriundo de fonte animal, é muito rica em nutrientes de diversos tipos e não há nenhuma contraindicação, nem mesmo para crianças, segundo a nutricionista Ana Cristina Máximo. Ela ainda ressalta que os bebês até seis meses devem se alimentar exclusivamente com leite materno, após esse período, pode e deve ser inseridos legumes e verduras, bem como frutas, na alimentação infantil.

A nutricionista ainda explica que a alimentação vegana e equilibrada fortalece o sistema imunológico, há pouquíssimo consumo de gorduras que causam o aumento do colesterol e, consequentemente, de doenças cardiovasculares, bem como deixa de sobrecarregar o fígado, já que as proteínas de origem vegetal são metabolizadas diretamente pelos músculos. Doenças como gota e cálculos renais também diminuem suas chances de ocorrerem, pois não há tanta geração de uréia e ácido úrico no organismo.

Fábio Chaves se tornou vegano em 2007 e, para auxiliar outras pessoas, criou um portal totalmente Vegano, com dicas, receitas, entrevistas, matérias e documentários para aumentar o conhecimento das pessoas acerca do sofrimento animal e os benefícios que a alimentação vegetariana tem para o indivíduo, para o meio ambiente e para a sociedade como um todo.

Eu sei que não vou resolver o problema do lixo no mundo não jogando uma latinha na rua, mas mesmo assim eu não jogo, porque sei que é errado jogar. Digo isso porque esse raciocínio é uma porta de entrada para o Veganismo, a pessoa precisa se dar conta de que faz sim diferença se ela adotar a ideologia. - Fábio Chaves

Vitamina B12
A vitamina B12 é de extrema importância para o funcionamento do organismo humano. Ela é fundamental para o bom desenvolvimento do metabolismo, das hemácias e até mesmo para prevenir doenças como a depressão. O grande mito em torno da B12 é que ela seria oriunda de carnes, leite e ovos. Isso não é verdade, não há nenhum alimento que de fato produza a vitamina B12 – os responsáveis por sua criação são microorganismos (como bactérias), estes que estão presentes nos produtos de origem animal. Outro mito é que quem come carne sempre terá bons níveis de B12 no corpo. Muitas pessoas não têm a enzima necessária para digeri-la, tornando-se inútil para o organismo – neste caso, a pessoa deve procurar por um médico e procurar por soluções. Para os vegetarianos, basta suplementar sua alimentação com comprimidos de via oral, com dose de 10 mcg uma vez ao dia ou 2.000 mcg uma vez por semana.  O custo é muito baixo, cerca de 10 reais um frasco.

ASSINE NOSSO BOLETIM

Cadastre-se e fique por dentro das novidades da revista

14 99602-6689

celma@grpmais.com.br

Rua Benjamin Constant, 499 
Vila Moraes - Ourinhos
CEP: 19.900-041

A REVISTA +SAÚDE FAZ PARTE DO GRUPO GRPMAIS
Revista +Saúde © Todos os direitos reservados

+SAÚDE na web:

Selecione a cidade mais próxima da sua região