Encare o banheiro e diga adeus a prisão de ventre

Saiba como a Nutrição Funcional pode ajudar!

A constipação intestinal, mais conhecida como prisão de ventre ou intestino preso, é o terror de muitas pessoas. Ela geralmente está associada a uma dieta pobre em fibras, pouca ingestão de água e até mesmo o uso de medicamentos laxativos, que acabam desregulando a flora intestinal. Conversamos com a nutricionista funcional e Health Coach, Valéria Prado, sobre como a Nutrição funcional pode ajudar quem sofre desse mal. Ela começa explicando que essa variação da nutrição trabalha com cada paciente de forma muito individual, buscando se atentar ao ritmo bioquímico do paciente. Mas ela também deu várias dicas que podem ajudar você a vencer o banheiro!

 

*Não se esqueça de manter uma alimentação balanceada e visitar um nutricionista.

 

ALIMENTOS QUE AJUDAM

Valéria já destaca que para você vencer a prisão de ventre, deve consumir muita fibra. São alimentos como cereais integrais, frutas com casca e legumes crus. “As fibras alimentares têm ocupado uma posição de destaque devido sua ação benéfica na regulação do funcionamento intestinal. Além das fibras, a água também é importante no tratamento da prisão de ventre, porque ajuda na formação do bolo fecal e facilita a passagem das fezes ao longo do intestino”, afirma a nutricionista e coach.

 

ALIMENTOS QUE ATRAPALHAM

Esse é um tópico que todos deveriam saber, mas você sabe que o pecado da gula às vezes é maior que a força de vontade. Passe longe de comidas com gorduras trans e saturada, açúcar e sódio, como por exemplo: embutidos, empanados, frituras, bacon, sorvetes, biscoitos recheados, biscoitos de farinha branca, salgadinhos, refrigerantes, sucos de caixinha, bolos industrializados e chocolate ao leite. “Algumas frutas como caju, banana prata e goiaba também devem ser evitadas para quem sofre do problema” ressalta Valéria.

 

LIVRE-SE DOS LAXANTES

Quem sofre do problema talvez já recorreu aos laxantes. O problema é depender deles para evacuar. A nutricionista explica que uma dieta mal balanceada, sedentarismo e não respeitar o desejo de evacuar são os principais fatores da constipação. Invista em frutas como mamão, ameixa, manga, laranja e melancia, beba muita água, mastigue bem e faça refeições em horários regulares. Ela ainda evidencia alguns pontos: “Sente-se no vaso sanitário diariamente, aproveitando o reflexo do intestino, principalmente após as refeições ou no período da manhã, e não segure quando estiver com vontade de ir ao banheiro”.

 

NÃO BRIGUE COM O RELÓGIO

A correria do dia a dia pode atrapalhar o funcionamento do seu intestino. Por isso, Valéria aconselha que você deixe seus lanches e refeições prontos já no dia anterior. Deixe também sempre a mostra frutas, castanhas, barrinhas de frutas ou sementes saudáveis, para não correr o risco de comer guloseimas e salgadinhos, que irão travar seu intestino. “Eu sempre digo que planejamento é o segredo para se manter uma alimentação saudável e equilibrada”, finaliza a nutricionista.

 

O uso indiscriminado de laxantes para regular o intestino, pode causar um efeito contrário com o tempo, podendo prejudicar algumas etapas finais da digestão que ocorrem no intestino, causar lesão nos nervos da parede intestinal, ou até mesmo uma dependência psicológica, em que a pessoa não consegue mais ir ao banheiro sem utilizar algum medicamento – Valéria Prado, nutricionista funcional e Health Coach

ASSINE NOSSO BOLETIM

Cadastre-se e fique por dentro das novidades da revista

A REVISTA +SAÚDE FAZ PARTE DO GRUPO GRPMAIS
Revista +Saúde © Todos os direitos reservados

+SAÚDE na web:

Mudar minha localização