Corrida: saiba quando parar

A falta de planejamento pode atrapalhar o rendimento na hora de correr

Quem costuma correr todos os dias sabe que essa pode ser uma atividade viciante. Dos pés à cabeça, todo o corpo entra em movimento com as passadas largas que tocam o chão num ritmo mais acelerado e dão a sensação de liberdade e prazer!

Mas tão importante quanto praticar atividades físicas com regularidade, é respeitar os limites do seu corpo e também dar um tempo para que ele descanse. É o que vai ajudar a melhorar o seu desempenho e suas habilidades. No entanto, isso depende também muito do condicionamento físico de cada pessoa, como explica Andrei Achcar, educador físico, corredor e criador da Metodologia Corrida Perfeita. “Isso depende também da intensidade e volume aplicado em cada treino. Pode ser tanto uma sobrecarga ao organismo como também pode ser pouco estressante e não eficiente. Então, se causará dano ou não, dependerá do indivíduo e da programação geral de seu treino”, explica.

Nesse sentido, a individualidade biológica deve ser levada em conta e, principalmente, o bom senso para correr sem se machucar. “O descanso é o momento em que seu corpo promove a ‘super compensação’, é quando ele se reestrutura para suportar a atividade realizada para que ela não seja tão estressante, se adaptando fisiologicamente para ficar mais forte. Sem o descanso o corpo não consegue se recuperar de modo adequado a suportar mais carga e/ou por mais tempo”, alerta o educador físico.

Andrei lembra, porém, que cada caso é um caso! Correr em um ritmo mais leve por uma hora pode ser considerado um descanso para quem costuma a pegar pesado durante as corridas. Para outras pessoas existe a necessidade do “day off”, em que não se pratica nenhum tipo de atividade física para haja um descanso regenerativo.

Sabe qual a dica principal para correr de forma saudável? Planejamento! A falta dele pode causar pouca consistência nos treinos, a falta de um objetivo claro e, por fim, lesões. “O planejamento deve ser feito com a consciência do seu nível de condicionamento e objetivo com a corrida. A partir disso você terá o passo a passo para o que fazer e quando fazer, adquirindo disciplina e constância nos treinos. Faltar a treinos dificulta tanto a melhora do condicionamento cardiovascular como a força do corpo. Pouco fortalecimento e baixo condicionamento são um prato cheio para lesão. E atleta lesionado não treina”, enfatiza Andrei.

Se você pensa em começar a correr, saiba que existem regras para praticar o esporte, não é só calçar o tênis e sair correndo por aí. Veja algumas dicas:

  • Entenda que a maneira que você irá se mover vai impactar diretamente no seu corpo. E existem inúmeras maneiras de se mover. Procure entender e buscar aplicar o movimento mais eficiente.
  • Busque o fortalecimento do seu corpo para que ele sustente o bom posicionamento pelo tempo necessário da atividade, otimizando o seu esforço e minimizando lesões.
  • Coordene o seu corpo para que ele trabalhe em conjunto “se ajudando”, e não “se atrapalhando”, para atingir o objetivo da sua corrida. Economizando energia e desgastando menos seus músculos e articulações.
  • A melhor recuperação é descansar, comer bem e dormir bem!

 Fonte: Andrei Achcar – www.corridaperfeita.com

Canal Corrida Perfeita - Youtube

ASSINE NOSSO BOLETIM

Cadastre-se e fique por dentro das novidades da revista

Matriz Ourinhos: (14) 3324-8862
Filial Vitória da Conquista: (77) 3422-4233

Matriz: contato@grpmais.com.br
Redação: redacao@grpmais.com.br

Matriz:
Rua Benjamin Constant, 499 
Vila Moraes - Ourinhos/SP
CEP: 19.900-041
 
Filial: 
Avenida Expedicionários, 753, Sala 1 
Cond. Vilarejo | Bairro Recreio - Vitória da Conquista/BA
CEP: 45.020-310

A REVISTA +SAÚDE FAZ PARTE DO GRUPO GRPMAIS
Revista +Saúde © Todos os direitos reservados

+SAÚDE na web:

Mudar minha localização