Fique alerta! - problemas renais

Confira os cinco sinais de problemas no rim

O organismo funciona em conjunto e, por isso, um órgão precisa do outro para realizar suas devidas funções. O equilíbrio da química interna de nossos corpos, por exemplo, se deve em grande parte ao trabalho dos rins. Além da produção de urina, o rim é responsável pela eliminação de toxinas do sangue por um sistema de filtração; regulação da formação do sangue e dos ossos; regulação da pressão sanguínea; controle do delicado balanço químico e de líquidos do corpo.

De acordo com informações da Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), a cada ano, aproximadamente 21 mil brasileiros precisam iniciar tratamento por hemodiálise ou diálise peritoneal devido a doenças renais. Raros são aqueles que conseguem ter pelo menos uma parte do funcionamento recuperada para deixarem de necessitar do tratamento e poucos têm a sorte de receber um transplante renal.

Por isso, não ignore os sintomas. “Ficar atento aos sinais do corpo é essencial para manter a saúde em dia e em caso de qualquer suspeita a procura de um médico é recomendada. Cuide-se!”, enfatiza Alex Meller, urologista e especialista em cálculo renal da Clínica Unix. Confira a seguir os cinco principais sintomas de problemas no rim:

Dor nas costas: Dor na parte inferior das costas é um dos sinais mais conhecidos. A dor ocorre em apenas um dos lados.

Erupção cutânea, comichão e secura: Como são os rins que ajudam a remover os resíduos do sangue, quando esse passa a não funcionar muito bem, os resíduos acumulam-se e isso pode causar esses problemas na pele.

Inchaço em várias partes do corpo: São os rins que removem os resíduos e excessos de líquidos de nosso corpo, então quando não estão trabalhando direito, os fluidos se acumulam e isso muitas vezes causa inchaços nos pés, tornozelos, mãos, pernas e face. Neste ponto, o dano renal tornou-se muito mais agudo e deve ser imediatamente tratado.

Fadiga e fraqueza: Os rins produzem um hormônio chamado eritropoietina, que ajuda a produzir os glóbulos vermelhos que transportam oxigênio. Quando há algum problema renal, os níveis desse hormônio caem, o que provoca diminuição das células vermelhas do sangue e pode causar anemia. 

Alterações na função urinária: São os rins que produzem a urina, é por eles que nossos líquidos são filtrados, então quando há algum problema no rim é provável que os padrões urinários mudem. Tais como:

-  Urina espumosa;

- Começar a levantar várias vezes a noite para urinar;

- Urinar mais frequentemente ou em quantidades maiores do que o habitual, com urina pálida;

- Urinar com menos frequência ou em quantidades menores do que o habitual, com urina escura;

- Sentir pressão ou ter dificuldade para urinar;

- A urina pode conter sangue. 

ASSINE NOSSO BOLETIM

Cadastre-se e fique por dentro das novidades da revista

14 99602-6689

celma@grpmais.com.br

Rua Benjamin Constant, 499 
Vila Moraes - Ourinhos
CEP: 19.900-041

A REVISTA +SAÚDE FAZ PARTE DO GRUPO GRPMAIS
Revista +Saúde © Todos os direitos reservados

+SAÚDE na web:

Selecione a cidade mais próxima da sua região