Febre Amarela

Esclarecemos algumas dúvidas que ainda pairam sobre esse assunto

O QUE É FEBRE AMARELA?

É uma grave doença infecciosa febril aguda que é causada por um vírus transmitido pela picada de mosquitos infectados, dos gêneros Haemagogus e Sabethes, em áreas silvestres e o transmissor Aedes aegypti (o mesmo da dengue, zika e chikungunya) em áreas urbanas.

COMO POSSO ME PREVENIR CONTRA A FEBRE AMARELA?

A vacina de prevenção contra a febre amarela é oferecida a população pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A dose completa  é ministrada uma única vez e sua eficácia é para toda a vida. Desde abril de 2017, o Brasil adota esse esquema vacinal seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) oferecendo imunização a pessoas que residem em áreas de risco e também aquelas que vão viajar para essas áreas.

É UMA DOENÇA CONTAGIOSA?

Não há transmissão de uma pessoa para outra e nem de animais para pessoas. A doença é transmitida unicamente pela picada do mosquito infectado com o vírus da febre amarela.

QUALQUER PESSOA PODE TOMAR A VACINA?

Existem alguns casos específicos em que é contraindicada a aplicação da vacina antes de uma avaliação médica, entre eles: crianças menores de nove meses de idade, pessoas com alergia grave ao ovo, portadores de HIV e que tem contagem de células CD4 menor que 350, pacientes oncológicos em tratamento com quimioterapia/radioterapia, portadores de doenças autoimunes e pessoas submetidas a tratamento com imunopressores (que diminuem as defesas do corpo). Mais uma vez é importante reforçar que para todos esses casos, a recomendação é de que procure orientação médica para avaliar os riscos e benefícios da vacinação.

DOSE FRACIONADA FUNCIONA?

De acordo com o Ministério da Saúde, a dose fracionada tem a mesma ação de combate que a dose única padrão. A diferença está na dosagem e tempo de eficácia, porque ela só é válida por, pelo menos, oito anos. O fracionamento é recomendado pela OMS quando há aumento na morte de macacos e de casos da febre amarela silvestre e risco de expansão da doença em cidades com índice populacional alto.

ELES NÃO TÊM CULPA! (pode ter um desenho de um macaco)

Os macacos são aliados da saúde no combate à febre amarela. Eles têm um papel muito importante na vigilância da doença. Assim como os humanos, os macacos são apenas hospedeiros do vírus e servem como indicador da circulação da doença em uma região. Em hipótese alguma eles podem ser mortos pela população, porque o único responsável pela transmissão de febre amarela no homem é o mosquito!

PRÓPOLIS E VITAMINA B AFASTAM OS MOSQUITOS?

Essa informação que vem circulando pelas redes sociais e aplicativos de mensagem instantânea não é verdadeira. A recomendação para se proteger do mosquito é o uso repelentes indicados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, roupas de manga longa e instalação de telas de proteção nas portas e janelas. Além disso, é importante observar reservatórios de água parada, onde podem existir criadouros do mosquito.

SE EU TOMAR A VACINA POSSO FICAR DOENTE?

A vacina contra febre amarela é considerada eficaz e segura, mas como qualquer imunobiológico, podem haver reações adversas após a aplicação. São sintomas leves e comuns, como dores musculares, febre e dores de cabeça. Isso acontece porque a vacina contra febre amarela é feita do vírus atenuado – ele está vivo, mas fraco – e quando é administrada, o organismo vai produzir anticorpos para se proteger da doença. No entanto, segundo o Ministério da Saúde, a chance de desenvolver a doença, mesmo estando vacinado, é na proporção de uma reação adversa para cada 400 mil doses aplicadas.

 

Fonte: Ministério da Saúde

ASSINE NOSSO BOLETIM

Cadastre-se e fique por dentro das novidades da revista

Matriz Ourinhos: (14) 3322-2465
Filial Vitória da Conquista: (77) 3422-4233

Matriz: contato@grpmais.com.br
Redação: redacao@grpmais.com.br

Matriz:
Rua Benjamin Constant, 499 
Vila Moraes - Ourinhos/SP
CEP: 19.900-041
 
Filial: 
Avenida Expedicionários, 753, Sala 1 
Cond. Vilarejo | Bairro Recreio - Vitória da Conquista/BA
CEP: 45.020-310

A REVISTA +SAÚDE FAZ PARTE DO GRUPO GRPMAIS
Revista +Saúde © Todos os direitos reservados

+SAÚDE na web:

Mudar minha localização